Eventos

A Cultura do Preconceito.
gallery/projeto-roda-cultural-logo-marca

Por: Tony Casanova.

- Seria maravilhoso imaginarmos que o preconceito só exista no Brasil, aliás muitos acreditam que no Brasil não exista discriminação ou preconceito, mas existe sim e em proporções que alarmam. Talvez o nosso "Patriotismo" não nos permita perceber, afinal quem aqui nasceu imagina estar no melhor País do mundo, mas a verdade não é bem esta. 

- Muito embora o Governo nos embrome com Carnavais, Samba e Festas a todo momento, ele não consegue esconder a dura realidade do preconceito e da discriminação crescentes no País, por mais que as mídias (compradas) tentem fazer parecer diferente. Obviamente nenhuma manifestação preconceituosa é veiculada, ou pelo menos não era, nas mídias de poder e segundo elas próprias, são os internautas os preconceituosos.

De certa forma as mídias tem a sua margem de razão, mesmo porque é na internet que se tem notícias dos mais absurdos manifestos de preconceito da história do nosso País.  Não importa contra quem, se um negro, um pobre, um menos cultu, gordinho ou magrinho, feio, enfim tudo é razão para que alguns comecem a praticar algum tipo de Bulliyng contra quem quer que seja e isto faz a mídia imaginar que somente nos ambientes viruais ocorrem fatos como os acontecidos com a Jornalista da Rede Globo Maria Júlia Coutinho. O fato é que após os incidentes com o Ator Global José Mayer, a Globo deveria rever seus conceitos em relação ao seu imaculado rótulo de emissora certinha, aliás, não só ela, mas todas as emissoras. No Brasil o preconceito está mais próximo do que se imagina e é praticado abertamente. 

Citação - Por Tony Casanova.

- Em pleno século XXI falar de Ética, Moral e Bons Costumes tornou-se escabrosamente vergonhoso e alimentar o sonho de uma sociedade voltada para a cidadania é cada vez mais difícil. Existe uma cultura que prega o bem individual e coloca as riquezas á frente da vida fazendo com que viver torne-se uma questão voltada ao que possui.

A Televisão e Suas Novelas Capciosas.

Por: Tony Casanova

- Houve uma época da Televisão brasileira em que as emissoras primavam pelos seus telespectadores. Época em que as grades de programação eram feitas de forma despretensiosa, visando sim a audiência e só isso, mas na última década, por absoluta falta de senso crítico, as emissoras começaram a "sujar" suas grades com uma imensa quantidade de novelas. Até ai até que se engole, afinal sempre houve novelas na programação, apesar de que elas se resumiam a três horários. O problema é que os escritores abusam dos seus gostos pessoais nas tramas e de forma capciosas começam a influenciar de forma negativa, muitos assuntos que antes respeitavam. Já é certo e sabido que a Rede Globo de Televisão possui verdadeira aversão aos evangélicos e que nas...

suas tramas os personagens evangélicos são colocados com acinte e desrespeito, de modo cômico e acintoso, porém seria bom que a emissora soubesse que ao tratar desta forma o público evangélico ela destrata seu próprio público telespectador e dá a eles uma profunda demonstração de pouco caso com a fé alheia. O respeito que deveria ser devido a todos passa distante da Globo na prática e o fato da emissora estar "entupindo" sua grade com intermináveis novelas e retirando de pauta os filmes e bons programas é prova de que paira um descontrole da parte de quem dirige.